Pesquisar e Comentar
Slog sobre sucos que gravidas não pode tomar   
Share btn Facebook share Myspace share Twitter share
Comentários
Adicione o seu comentário (opcional):
* Introduza o seu comentário
Seu nome:
* Digite seu nome
Notifique-me sobre respostas a:
*Digite seu e-mail
*Introduza um email válido
Sugerir esta página em Google:
Ranita
sucos que gravidas não pode tomar por
Ranita
sucos que gravidas não pode tomar por ,

TEM ALGUM SUCO QUE NAO SE pode BEBER SE ESTIVER MENSTRUADA?

Ranita
sucos que gravidas não pode tomar por larissa
gravidas pode tomar suco de casca de abacaxi com cha verde e gemgibre
Ranita
sucos que gravidas não pode tomar por deise
mamae de primeira viagem estou muito feliz mais preucupada com o que devo e nao devo fazer,

Ranita
sucos que gravidas não pode tomar por tatiane r ribeiro
gostaria de saber se o suco de tamarindo faz mal para gestante?qual suco não devemos tomar?
Ranita
sucos que gravidas não pode tomar por Jakeline Franco de Oliveira
Posso tomar suco de Tamarindo?
Ranita
sucos que gravidas não pode tomar por josicleia aparecida
eu quero saber se mulher gravida pode tomar sumo da folha de algodão
Ranita
sucos que gravidas não pode tomar por A filósofa
Só se vc quiser que ela fique loira....
Ranita
sucos que gravidas não pode tomar por lourencods
Entenda a esofagite de refluxo
Doenças de refluxo, algumas vezes chamada de doença do Refluxo Gastroesofágico (DRGE) ou Esofagite de Refluxo, acontece quando o músculo no final do esôfago se abre no momento errado e permite que o contéudo do estômago penetre no esôfago.

Quando os sucos gástricos ácidos entram em contato com a parede sensível do esôfago, pode causar uma sensação de queimação. Azia e “ boca ácida ” são outros sintomas da doença de refluxo.

Contudo, muitas pessoas consideram essas sensações normais e não procuram ajuda médica.

O MÚSCULO QUE ATUA COMO UMA VÁLVULA

O esôfafo é um tubo muscular longo situado no tórax que liga a boca ao estômago, há um músculo em forma de anel que atua como uma válvula. Este músculo contrai-se para evitar que o estômago retorne para o esôfago. Neste sistema de mão única, o esôfago é isolado do estômago, exceto durante a deglutição, arroto ou vômito. Então, o músculo relaxa o suficiente para abrir e deixar o alimento penetrar no estômago.

A pressão sobre o músculo determina se ele deverá abrir ou permanecer fechado. O aumento de pressão mantém o músculo contraído e protege o esôfago dos sucos ácidos do estômago.

Menos pressão permite ao músculo relaxar e abrir. Lembre-se, a doença de refluxo ocorre quando este músculo relaxa e se abre no momento errado, permitindo que o conteúdo do estômago retorne para o esôfago por períodos prolongados.

Vários fatores podem piorar os sintomas de refluxo.

Fumar e tomar café contribuem de forma importante para a irritação e devem ser evitados. Além disso, se os sucos (tais como de tomate, laranja, abacaxi) causam sintomas, você deve reduzir a quantidade ingerida.

Atividade Física, como curvar o peito sobre a barriga e deitar, também pode aumentar os sintomas da doença de refluxo, especialmente após a refeição. Pressão sobre o abdômen, comum nas pessoas que usam roupas muito apertadas ou são obesas ou em mulheres que estão grávidas, frequentemente pode levar o aumento da irritação.

SINTOMAS PARA FICAR ATENTO

A azia, o mais comum dos sintomas de refluxo, é uma sensação de queimação ou dor que sobe do estômago. A azia ocorre frequentemente após as refeições e pode ser devida a ingestão de alimentos fritos, gordurosos ou condimentados.

Outro sintoma comum de refluxo é um gosto amargo ou ácido na boca causado por uma reurgitação de ácido ou alimento do estômago. Isto normalmente acontece dentro de 1 ou 2 horas após a refeição. Ambas reações podem piorar se você deitar.

Os sintomas menos comuns de refluxo são dor no peito e um líquido de gosto salgado na boca.

COMPLICAÇÕES QUE VOCÊ PRECISA SABER

O refluxo crônico pode causar problemas secundários, tais como, dificuldade de deglutição, rouquidão ou laringite que não melhora, e danos nas cordas vocais.
O refluxo também pode causar ou piorar problemas respiratórios, tais como, asma e pneumonia recorrente, particularmente se o conteúdo do estômago penetrar nas vias aéreas.

Por mais desconfortável que possa ser, a doença de refluxo é normalmente uma doença leve que raramente oferece risco de vida. Entretanto, pode desenvolver complicações quando a pessoa não é tratada adequadamente. Estas incluem sangramento ou úlceras no esôfago e, em poucos casos,um estreitamento real do esôfago. Isto pode levar a dificuldade de engolir e a parada do alimento na área estreitada. O refluxo crônico pode também estar associado com o esôfago de Barrett, uma condição que pode levar ao câncer.

É FÁCIL DIAGNOSTICAR A DOENÇA DE REFLUXO

Há vários métodos possíveis usados para o diagnóstico da doença de refluxo. Uma radiografia do estômago e duodeno pode ser efetuado para confirmar um diagnóstico da doença de refluxo. Um método mais sensível é a endoscopia, que proporciona ao médico a visão direta do esôfago. Alguns hospitais e consultórios médicos estão aparelhados para efetuarem um teste de acidez de 24 horas.

Este teste mede o conteúdo ácido do estômago e requer que os pacientes usem um registrador à bateria. Durante este período, os pacientes podem desempenhar suas atividades normais, inclusive dormir. Podem ser efetuados testes adicionais chamados estudos da motilidade esofágica. Esses métodos têm por objetivo avaliar o movimento do alimento e a capacidade de esvaziamento do esôfago.

O TRATAMENTO pode SER MUITO EFICAZ

Os objetivos do tratamento são controlar os sintomas, acelerar a cura a qualquer dano, e diminuir a recorrência e as complicações. As três fases do tratamento são: (1) Adequação da maneira de viver; (2) Medicação e (3) Cirurgia. Na maioria das vezes, as fazes 1 e 2 são tão eficazes que a fase 3 não é necessária.

FASE 1 – Adequação da maneira de viver

A maioria das pessoas com doença de refluxo podem ser eficazmente tratadas com uma combinação de adequação na maioria de viver e antiácidos. Independente de outros métodos de tratamento, a adequação na maneira de viver, talvez seja o mais importante. É uma das coisas que só você pode fazer para que você mesmo se sinta melhor.

Além de tomar antiácidos, orientado por seu médico, é necessário fazer ajustes na sua dieta, para a fase 1 do tratamento. Você deverá se alimentar com pequenas quantidades de alimentos ricos em proteínas e pobres em gorduras. É melhor comer em intervalos iguais e não comer nada duas horas antes de dormir. Os alimentos a serem evitados incluem chocolate, hortelã, álcool, cafeína, frutas cítricas, leite integral e produtos e base de tomate.

Também foi demonstrado que perder peso tem um efeito importante na redução dos sintomas da esofagite de refluxo, uma vez que diminui a pressão sobre o abdômen. Evitar roupas muito apertadas e atividades que aumentem a pressão sobre o abdômen. Conjuntamente, o fumo também dever ser evitado.

A elevação da cabeceira da cama de 10 a 15 cm, mostrou reduzir a quantidade de ácido que reflue para o esôfago. O ideal é colocar tijolos em baixo dos pés da cabeceira da cama ao invés de aumentar o número de travesseiros sob sua cabeça, porque com os travesseiros você pode mudar de posição durante a noite, ou usar uma espuma em forma de cunha pois dessa maneira a(o) parceira(o) conjugal nãp seria incomodada(o).

Alguns medicamentos podem piorar os sintomas da doença de refluxo. Informe seu médico sobre qualquer medicação que você esteja tomando. Ele pode determinar se os medicamentos podem causar problemas.

FASE 2 – Medicamento

A fase 2 de tratamento é o próximo passo para os indivíduos que não respondem às adequações na maneira de viver e ao uso de antiácidos. Seu médico pode prescrever um antagonista de receptor H2, Tais medicamentos ajudam a reduzir a quantidade de ácido liberada, causando menos irritação. É importante que você siga todas as instruções de doses e continue a tomar a medicação prescrita como indicada, mesmo que você se sinta melhor em um ou dois dias.

FASE 3 – Cirurgia

Independente das fases 1 e 2 poderem ser muito eficazes no tratamento da doença de refluxo, aproximadamente 5 a 10% dos pacientes em condições muito graves eventualmente requerem cirurgia. A fase 3 do tratamento dever ser considerada quando a terapia com medicamentos falha em reduzir os sintomas, quando há necessidade de se evitar complicações tais como hemorragia, ou quando a doença de refluxo contribui para uma doença pulmonar.


COLOCANDO AS COISAS COM CLAREZA

A doença de refluxo pode com clareza ser um problema crônico, porém é importante colocar as coisas em perspectiva. Apesar da doença raramente oferecer risco de vida, pode ser um problema doloroso. Contudo, a maioria das pessoas são tratadas eficazmente através de adequação na maneira de viver e medicamentos. Somente se essas medidas falham é que a cirurgia se torna necessária.

Manter uma atitude mental positiva, trabalhando junto com seu médico e seguindo o tratamento recomendado, pode ser “o melhor remédio” para a doença de refluxo.

Obs.: Se você tem apresentado candidíase oral e está com um quadro de esofagite por candida. É preciso procurar um médico para investigar o que está acontecendo. A candidíase oral e de esôfago, de uma forma geral estão associadas a um quadro de comprometimento imunológico.
Ranita
sucos que gravidas não pode tomar por nana
Ouvi dizer que tomar 20 gotas em um copo de agua produz a cura? Alguem que saiba informe por favor/ Obrigado
Anúncios patrocinados
Slogs relacionados com sucos que gravidas não pode tomar
Ranita sou operada para não ter mais filho..
 sou operada para nao ter mais filhos mai s depois de9 anos quero engrav...
por cleide pimentel | Responder
Ranita amcap nao funciona
игровые автоматы играть онлайн полная версия
por roulette96 | Responder

Ranita uxi amarelo e unha de gato para eng..
In a nutshell, when website owners stop paying for their sites domain names, ...
por merkak | Responder
Ranita parei de tomar cloridrato de sertra..
Re: NathalinaDeus te abençoe e renove suas forças ,tb
por paula | Responder

Ranita MINHA BARRIGA MEXE MAS NÃO ESTOU GR..
a minha barriga tambem se meche,ja fisso 2 teste de farmacia mais não estou g...
por FRAN | Responder
Ranita nao estou gravida, mas sinto algo m..
dois dias antes da minha menstruação descer sentir algo se mexendo na minha b...
por DMSANTANA | Responder

Ranita tomar buclina com complexo b engorda
engorda mesmo eu estou na sexta caixa eu pesava  52 kilos hoje peso 62 &...
por bruna | Responder
Ranita como tomar buclina e complexo b
EU TENHO 19 ANOS QUERO PERGUNTA SE A BUCLINA E O COMPLEXO B AINDA FAZ E FEITO...
por lucas | Responder

Ranita depois da menstruação pode engravid..
estou com a minha injeção(perlutan) atrasada já faz 8 dias atrasada eu corro o
por rafa | Responder
Ranita mulher ligada pode engravidar
é meses que não menstrou 
por luciene | Responder

Ranita sinto alguma coisa mexendo na minha..
Tenho dois filhos o mas novo tem 8 anos, tenho 32anos e estou tentando engrav...
por cristiane gomes | Responder
Ranita tomar hormonio feminino para ter pe..
Re: itatoma preg less q teu peito cresce
por Deisy | Responder

Ranita o q tomar pra menstruaçao parar de ..
Re: neydyciclo21
por lalaah | Responder
Ranita gozar dentro tomando injeção pode e..
e possivel engravidar porquer so tomei injecao em janeiro e meu namorado so g...
por iane | Responder

Filtro semântico:
Família e Relacionamentos  - Piadas e Charadas  - Saúde e Bem-Estar  - Entretenimento  - Bebês e Recém-Nascidos  - Medicina Alternativa  - Saúde e Beleza  - Saúde Feminina  - Gravidez
Anúncios patrocinados
азартные игры играть бесплатно без регистрации шарики
www.slogbox.com.br
recomendar
tosse  por 3 messes com muco, vá logo ao          
www.slogbox.com.br
recomendar
thornless nike air max 90 current huar
www.slogbox.com.br
recomendar
Pesquisando...
Anúncios patrocinados
Meus slogs
Seu e-mail:
Obrigado por nos ajudar a melhorar a qualidade deste sítio.
Português  |   Slogbox.com  |  Slogbox на Русском  |  Slogbox Argentina  |  Slogbox Autos  |  Slogbox Animales  |  Slogbox Computers  |  Entre em contato conosco
Todas as opiniões aqui expressas pertencem aos autores e não refletem, necessariamente, as opiniões dos Slogbox.com.br